Como fazer um TCC Passo a Passo – Gradue-se sem complicações!

É importante que você prepare seções bem certinhas e divisões que estejam conforme os aspectos de forma e de conteúdo que um TCC demanda. Na grande maioria das vezes, temos uma introdução, com uma parte de metodologia, resultados,  e então a parte final das conclusões.

É claro que cada uma dessas partes tem uma importância particular, porém, as conclusões geralmente são a parte mais importante e inventiva de um TCC. Mas calma, não se preocupe com nada disso por enquanto, apenas vá se acostumando com a ideia e o formato desse tipo de trabalho.

Introdução de um TCC

A primeira coisa a ter em mente é que a introdução deve cumprir o papel de mergulhar o leitor no contexto em que você enfocará o restante do ensaio. Por exemplo, se o assunto é sobre um autor do século XIX, deve-se começar por colocar o leitor naquele momento, para que depois seja mais fácil para ele saber o que vai ser encontrado a seguir. É uma forma de o preparar, para que comece de uma base sólida e clara e entre no corpo com todas as ferramentas de que necessita.

É importante que você gaste um tempo considerável escrevendo porque será a primeira impressão que os leitores terão de você, de sua escrita e de sua maneira de pensar. Inclua qual é o tema principal, por que é importante discuti-lo, suas hipóteses e argumentos principais. Deve ser conciso, breve, criativo e analítico ao mesmo tempo. O importante é voltar a ele assim que terminar o trabalho para confirmar que ainda é verdadeiro com o que você escreveu. Você também pode escrevê-lo depois de terminar o ensaio, porque terá uma ideia mais clara sobre os argumentos usados ​​e como resumi-los.

Se o seu ensaio é sobre um autor que foi essencial para a educação, por exemplo, você pode começar falando sobre a educação e como ela evoluiu até hoje em grandes traços e depois mencionar o autor e sua função. O importante é que, embora você possa optar por uma primeira frase geral, ela deve contextualizar, mas não precisa estar muito longe do tema principal.

A melhor maneira de um leitor respeitar suas palavras e querer saber sua opinião sobre um assunto é transmitindo segurança e confiança ao escrever. Seja direto, fale bem e tome cuidado para não refletir que tem dúvidas. Por isso, muitas vezes é melhor fazer a introdução depois de ter acabado de escrever tudo, pois permite evitar frases como “Vou fazer isso” ou “Vou investigar sobre outro” e, pelo contrário, poder expressar o que encontrou e confirmou .

Conclusão de um TCC

Você já parou para pensar no significado da palavra “conclusão” por si só? Ela vem do latim, e significa algo relacionado ao fechamento ou ao final. Ou seja, não é porque é uma conclusão que ela deve ser fechada ou recusar qualquer ponto de vista diferente. Não, a conclusão não é nada além de uma seção final do texto, onde você encerra o que tem a dizer, mas também convida os leitores a refletirem, opinarem ou até refutarem seu ponto.

Deve-se notar que, em uma conclusão, embora o que os pesquisadores acreditam que os dados obtidos indicam seja defendido, não são seções em que sua opinião seja expressa. Nem devem ser transformados resumos longos e textuais de todo o trabalho.

Assim como pode acontecer na hora de escrever a introdução do seu trabalho, a conclusão pode trazer alguma angústia por parecer mais fácil de ser escrita do que realmente termina sendo ao fim das contas. Isso acontece principalmente devido à sensação de que você tem muita coisa para falar em pouco espaço, e sim, é a parte mais desafiadora de uma conclusão: exercitar a concisão das ideias e o seu poder de síntese.

O que é e para que serve um Artigo para TCC?

Um artigo para TCC, assim como qualquer artigo científico, é um documento de elaboração pessoal ou em grupo que trata de um tema expressando de forma clara e precisa os aspectos a serem abordados, fazendo-o de forma coerente, sistemática, fundamentada e gerando, assim, contribuições significativas para a discussão de seus leitores. Deve atender a critérios de elaboração e apresentação tanto da forma quanto do conteúdo, ou seja, obedecer a regras reconhecidas para ser considerado uma contribuição científica. No artigo científico, são os fatos que servem para aproximar a realidade; os fatos vêm antes das ideias.

Um artigo para ser considerado científico deve fornecer um tipo de conhecimento diferente, que pode ser diferenciado do conhecimento cotidiano e tecnológico, ou seja, que vai além da descrição e explicação. Ou seja, basear seus argumentos em fatos verificáveis ​​e contrastados com o

Na realidade, para conseguir isso, existem muitas maneiras de usar a metodologia adequada. O artigo científico também contém opiniões pessoais, mas ao contrário do jornalístico, as subjetividades da ciência não se expressam como tais com base em juízos de valor, mas com base em fatos verificáveis ​​que são responsáveis ​​por afirmar ou descartar as opiniões dos Autor. O conhecimento científico requer contraste, flexibilidade e mente aberta, afastando-se completamente de dogmas ou verdades absolutas. Por tudo isso, o artigo científico está preparado para fornecer novos conhecimentos, que atualizem as ideias vigentes e sejam um incentivo para um melhor entendimento dos problemas e suas possíveis soluções.

Metodologia de um TCC

Uma parte fundamental de sua dissertação ou tese é como fazer a metodologia de um tcc. Isso não é exatamente o mesmo que “métodos”.

Se estiver fazendo um TCC em várias partes, como fazer um tcc grátis ou como fazer um slide para tcc, com a metodologia apresentada antes de realmente realizar a pesquisa, você deve usar esta seção para definir exatamente o que pretende fazer. A metodologia deve ser vinculada à literatura para explicar por que você está usando certos métodos e a base acadêmica de sua escolha.

Se você está fazendo um TCC de formato mais unificado, a Metodologia deve explicar o que você fez, com os refinamentos que você fez no decorrer do seu trabalho. Novamente, deve haver uma justificativa acadêmica clara de todas as escolhas que você fez e estar relacionado à literatura.

Artigo para TCC

Uma publicação, seja periódica (que é publicada com frequência, por exemplo, revistas, anuários, boletins informativos) ou não (que é uma publicação única, por exemplo, livros), é científica, quando seu conteúdo inclui resultados de pesquisa originais e não publicados. Na Wikipedia é definido como: “Um texto científico, ou seja, uma publicação científica ou comunicação científica, é uma das últimas etapas de qualquer pesquisa científica, anterior ao debate externo”.

No caso de periódicos, atualmente não há consenso quanto à proporção de artigos originais que uma publicação deve incluir para ser considerada científica. Porém, ao consultar os requisitos das principais bases de dados científicas como Scopus, WoS, Scielo, Redalyc, etc., a maioria considera que uma publicação é científica, os artigos originais devem representar mais de 50% do seu conteúdo.

Há outro elemento fundamental que distingue uma publicação científica, que é que seu conteúdo deve ser avaliado por algum mecanismo transparente e explícito, como a revisão por pares, em suas diferentes modalidades.

Como fazer um projeto de TCC

Antes de se perguntar como fazer um projeto, é importante que você se pergunte qual o tipo de projeto de TCC está escrevendo. Resumiremos a seguir como são formados três destes tipos: o artigo científico, o artigo de pesquisa e o artigo de revisão de literatura.

O artigo científico é um texto escrito que relata os resultados de uma investigação pela primeira vez e que é redigido e publicado seguindo padrões muito específicos aceitos pela comunidade científica internacional, cuja utilização garante a comunicação eficaz de informações em todo o mundo. Segundo a UNESCO (1983), o objetivo principal de um artigo científico é comunicar os resultados de pesquisas, ideias e debates de forma clara, concisa e confiável.

Artigo de pesquisa original é o relato de um processo de pesquisa a partir da aplicação de experimentos ou do resultado da aplicação de métodos científicos (aplicação do método científico, figura 3), deve atender às seguintes características: ser consequência de uma investigação , ser original e contribuir com novidades para o campo científico a que se dedica, apresentar uma estrutura adequada a essa tipologia e obedecer às normas de publicação da revista onde será publicado.

Tema de TCC

Independentemente da opção que você escolher, é recomendável que antes de decidir sobre o assunto, você se pergunte:

  • Qual assunto eu quero abordar?
  • Quais objetivos eu defino para mim?
  • Que abordagem eu quero dar?
  • Qual será o meu plano de trabalho?
  • Selecionei um tópico específico e definido? Ou, ao contrário, é muito geral?
  • É viável do ponto de vista informacional? Serei capaz de encontrar informações para o seu desenvolvimento?
  • Meus resultados podem trazer algo novo para a sociedade?
  • É interessante para meu desenvolvimento acadêmico?
  • No caso de futuramente fazer um mestrado, doutorado ou pesquisa, a disciplina permite seguir uma linha de pesquisa?

Como fazer um resumo de TCC

O formato do seu resumo dependerá da disciplina em que você está trabalhando. No entanto, todos os resumos geralmente cobrem as seguintes cinco seções. A menos que você queira comprar tcc. Veja como fazer um projeto de pesquisa:

  1. Razão para escrever:

Qual é a importância da pesquisa? Por que um leitor estaria interessado na obra maior?

  1. Problema:

Que problema este trabalho tenta resolver? Qual é o escopo do projeto? Qual é o principal argumento, tese ou afirmação?

  1. Metodologia:

Um resumo de um trabalho científico pode incluir modelos ou abordagens específicos usados ​​no estudo maior. Outros resumos podem descrever os tipos de evidências usadas na pesquisa.

  1. Resultados:

O resumo de um trabalho científico pode incluir dados específicos que indiquem os resultados do projeto. Outros resumos podem discutir as descobertas de uma maneira mais geral.

  1. Implicações:

Como este trabalho adiciona ao corpo de conhecimento sobre o assunto? Existem aplicações práticas ou teóricas de suas descobertas ou implicações para pesquisas futuras? Como fazer as considerações finais de um tcc? Como fazer a metodologia de um TCC? Tudo isso você viu por aqui.

Estudo de caso TCC

O estudo de caso consiste num método ou técnica de investigação, habitualmente utilizado nas ciências da saúde e sociais, que se caracteriza por exigir um processo de pesquisa e investigação, bem como a análise sistemática de um ou mais casos. Muitos alunos têm uma grande dificuldade de compreender a importância de um estudo de caso em um TCC, e muitas vezes não conseguem compreender nem mesmo do que se trata esse conceito.

Apenas pense, reflita e veja bem: tudo na vida pode ser analisado desde o ponto de vista mais macro ou mais micro, certo? Ou seja, você pode pensar nos esportes, por exemplo, e conforme vamos aprofundando no campo de estudo mais e mais micro, vamos vendo uma determinada modalidade esportiva, para depois pensarmos em uma competição específica, então em um clube e então em um jogador ou partida. No caso de qualquer fenômeno do mundo real que estivermos interessados em estudar, acontecerá mais ou menos a mesma coisa.

Assim, quando um aluno quer estudar, por exemplo, o impacto da internet em relação aos movimentos sociais hoje em dia, ele precisará necessariamente de um estudo de caso para usar em seu TCC. Ou seja, precisará pensar em um movimento social específico e no impacto da internet sobre este movimento especificamente para que tenha um estudo de caso.

Outra coisa interessante seria aproveitar mais estudos de caso para compor todo um ecossistema de estudos de caso sobre o mesmo tema, para que você possa ter uma melhor compreensão sobre o fenômeno que esteja sendo estudado.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *