Monografia – Como fazer e por onde começar?

Uma monografia é um trabalho escrito que trata de um tema único, claro e bem definido. Trata-se de uma pesquisa realizada segundo os mesmos métodos de documentação de uma tese, mas que se diferencia em dois aspectos; por um lado, sua extensão é menor que a de uma tese e, por outro, não precisa enunciar e testar uma hipótese, mas antes responde a uma investigação documental do autor.

No meio acadêmico, a monografia é o trabalho mais solicitado, pois representa um relato de pesquisa em profundidade sobre um tema. A monografia envolve a realização de exaustivas tarefas de documentação, bem como uma análise e reflexão sobre o assunto tratado pelo autor. As perguntas mais comuns são “Como fazer uma boa monografia?” ou “Como fazer monografia na prática”, ou até “como fazer referência de monografia ABNT”. Tudo isso, explicaremos aqui!

Referência de monografia ABNT

Se você está se perguntando como fazer um projeto de monografia ou como fazer citação em monografia, saiba que toda monografia tem uma base acadêmica e que, portanto, os passos a seguir serão sempre os mesmos. No entanto, deve-se notar que 3 tipos de monografias podem ser distinguidos dependendo dos detalhes do conteúdo. Nós mostramos a você:

Monografias de compilação: este tipo de trabalho consiste principalmente em fazer uma análise crítica da bibliografia já existente a este respeito. Basicamente, a opinião da pessoa é fundamental para quebrar todas as informações sobre um assunto e tratá-lo de maneira adequada.

Monografias de pesquisa: é a mais comum, por se tratar de um tema que tem poucos estudos sobre o assunto ou é de grande interesse, podendo incluir outros tipos de pesquisas. Aqui a originalidade do aluno é fundamental na escolha e desenvolvimento do tema.

Monografias de análise de experiência: este tipo de monografia é normalmente reservado para alunos que se dedicam a áreas mais práticas. Ou seja, carreiras universitárias ou diplomas que requeiram uma parte mais prática, geralmente precisam de monografias de análise de experiência para observar os resultados com clareza.

Você não tem certeza de como fazer uma monografia universitária passo a passo? Certifique-se de ler a próxima seção.

Monografia Exemplos

Se você está se perguntando como fazer uma monografia rápida e fácil, saiba que seguir algumas instruções básicas economizará muito tempo e o levará direto ao ponto. A partir de aqui, falaremos sobre a estrutura de uma monografia e cada uma das etapas que você deve seguir.

Como fazer resumo de monografia

Escolha o tema: deve ser um tema que você já tenha conhecimento prévio, que lhe interesse e que, se possível, seja relevante. Também é aconselhável escolher uma questão que já tenha sido estudada, para assim contar com fontes confiáveis. Veja como fazer um resumo, depois que tenha seu tcc pronto!

Limite o tópico: muitos dados sem uma organização ideal podem gerar resultados complicados. Defina bem a estrutura do trabalho e, de todas as informações iniciais que encontrar, guarde apenas os aspectos mais relevantes. Neste outro artigo sobre Exemplos de Perguntas de Pesquisa, você encontrará ideias que o inspirarão ao escolher e restringir seu tópico.

Pesquise bem a informação: as fontes primárias são as que nos darão informações em primeira mão, por isso são as mais interessantes. Faça uma compilação documental do que encontrar sobre o assunto (livros publicados, artigos de revistas, documentários audiovisuais, etc.)

Revise e escolha bem as informações: para fazer uma boa triagem das informações coletadas, é necessário fazer uma crítica externa à documentação e garantir sua veracidade. Faça também uma crítica interna para determinar o significado e o valor que essas informações têm para sua monografia. Por fim, organize as informações escolhidas e certifique-se de ter seus dados de classificação (autor, data de publicação, meio de publicação, tipo de documento, etc.)

Crie um plano de trabalho ideal: depois de ter todas as informações, catalogue o material para acessá-lo mais rapidamente quando precisar. Uma boa maneira de fazer isso é de acordo com a ordem em que aparecerão no trabalho; Portanto, é melhor preparar um primeiro índice da monografia que servirá de roteiro.

Projeto de monografia

Depois de ter criado o plano de trabalho, será hora de começar a escrever sua monografia. Para fazer isso, recomendamos que você escreva seguindo esta estrutura:

Capa: deve conter título, nome do autor, local e data de criação e quaisquer outras informações necessárias.

Prólogo: pode ser elaborado pelo próprio autor ou por outra pessoa.

Introdução explicativa ao tema: ajuda o leitor a ter uma ideia do que vai encontrar. É um bom momento para discutir os motivos que o levaram a escolher esse tema. Este artigo sobre como apresentar um projeto pode ser muito útil para esta etapa.

Índice: deve indicar todas as partes da monografia, incluindo os diferentes capítulos de seu desenvolvimento e indicando seus títulos, subtítulos e as páginas por onde começam e terminam.

Desenvolvimento: é o corpo da monografia, onde você apresenta os resultados da compilação de dados, da sua pesquisa ou da análise sobre o assunto.

Conclusão: aqui é onde você resume o que foi exposto no desenvolvimento. É uma síntese ordenada do trabalho que não fornece novos dados, mas atualiza a memória nos pontos fundamentais.

Crítica opcional, mas conveniente: nesta seção devem ser expostos os pontos de vista pessoais do autor, com base nos dados coletados.

Apêndices, anexos, notas e citações: é a parte em que se deve incluir tudo o que julgar necessário para um bom entendimento ou correta interpretação do trabalho.

Bibliografia: é uma lista, em ordem alfabética, das fontes citadas direta ou indiretamente. Cada fonte deve ter sua informação completa e deve ter sido revisada e verificada.

Introdução de monografia

Para facilitar a apresentação do seu trabalho, a seguir compartilhamos alguns elementos que devem ser levados em consideração ao escrever uma monografia em Word:

Embora não haja fontes obrigatórias, você deve escolher uma que torne a leitura mais fácil. Seu tamanho deve ser entre 10 e 12 pontos (de preferência 12) e a cor da letra deve ser preta por padrão.

A extensão da monografia deve ser entre 30 e 50 páginas, exceto para exceções.

O documento deve ter cabeçalho e rodapé.

Cada página deverá ser numerada no rodapé com números naturais centralizados.

Conclusão de monografia

Os parágrafos devem ser curtos para facilitar a leitura e devem ser recuados na primeira linha.

Deve ser redigido com texto justificado e com espaçamento duplo.

Use a ferramenta ortográfica e gramatical constantemente, pois deve-se lembrar que 5 erros são penalizadores na nota final do trabalho.

Como fazer citação em monografia

A última parte do processo está se aproximando, então você só precisa seguir algumas instruções. Claro, tenha em mente que este momento é essencial, pois sem ele é bem possível que todo trabalho vacile.

Por um lado, é hora de revisar, corrigir e editar o trabalho. Este é um processo de leitura exaustiva e correção de possíveis erros, tanto ortográficos, gramaticais e sintáticos. É hora de substituir frases difíceis de entender por outras mais precisas e revisar todas as citações bibliográficas.

Concluída essa etapa, você só precisará imprimir e encadernar sua monografia, pois ela estará pronta para ser apresentada.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *